Patrimônio Cultural, Carne de Onça é sucesso no Bar CanaBenta

No dia 26/09 a Carne de Onça foi reconhecida oficialmente como patrimônio Cultural de Curitiba. Nada mais justo para enaltecer um petisco que nasceu e se popularizou na capital paranaense.

 

Foto: Daniel Sorrentino.

Foto: Daniel Sorrentino / clix.fot.br – crédito obrigatório

Servida há pelo menos 50 anos nos botecos e restaurantes de Curitiba, a Carne de Onça, uma mistura de carne moída crua com muita cebola, pimenta do reino, sal, azeite e mostarda escura varia de acordo com a habilidade e criação de cada chef. A única semelhança é a garantia de que a carne será apresentada crua. O prato é atração para os turistas e no Bar CanaBenta está no rol dos preferidos pelos clientes.

 

O nome tem a origem cercada de curiosidades, desde o hálito carregado de alho e cebola – “bafo de onça”, que o petisco provoca, até a ideia de ter sido criado por comerciantes para confundir e induzir os fregueses a acharem que estariam comendo uma iguaria feita com a carne de um animal selvagem. Há quem diga que a mistura surgiu de desafios entre times de futebol e que, naquele dia, quem perdesse a partida teria que comer um prato com um sabor extravagante.

 

 

Serviço

Bar CanaBenta

Rua Itupava, 1431 – Alto da Rua XV

Curitiba (PR)

(41) 3019-6898 | www.canabenta.com.br

@canabenta | www.facebook.com/canabenta

 

Atendimento: de terça-feira a sexta-feira das 17h à meia-noite (cozinha), até 01h (portaria). Sábado, das 11h30 à meia-noite (cozinha) e portaria até 1h.

Domingo das 15h às 22h30 (cozinha),  portaria até meia-noite.

Salvar

Salvar