Restaurante focado em gastronomia criativa inaugura na Iguaçu

O marqueteiro Rafael Albino, de 36 anos, largou a área de formação para empreender na gastronomia há cinco anos, ainda em 2015. Logo de cara, Rafa abriu a hamburgueria Black Station quando o hambúrguer artesanal nem era modinha em Curitiba.

Doguíneo. Crédito – Divulgação.

Na cozinha da carinhosamente apelidada de ‘black’, o empreendedor criou e ousou nos sabores e combinações, e o sucesso se fez até o fim de 2019, quando seu criador decidiu que precisava colocar ainda mais ousadia em outros planos e pratos.

Bruschettas. Crédito – Divulgação.

Após adquirir vivência e pegar o impulso que precisava para conquistar outros ares, o chef resolveu iniciar 2020 plantando outra semente nos paladares curitibanos. Por isso, o mesmo endereço de esquina na tradicional avenida Iguaçu deu espaço ao B.Lab Cuisine, uma cozinha laboratório que tem como preceitos a criatividade, inovação e a emoção.

Tapioca Stciks. Crédito – Divulgação.

Para Rafael Albino, o B.Lab é literalmente o seu espaço no mundo. “É aonde eu vou poder fazer minhas experiências na cozinha e me dedicar a algo que provoque emoções. Focando no prazer que aquele prato ou drink pode oferecer ao meu cliente”, afirma o empreendedor.

Mesmo endereço, outro cenário

Com o mesmo endereço e a mesma energia de fazer diferente, as paredes do estabelecimento ganharam novas cores, móveis e movimento. Casual, descontraído e perfeito para marcar histórias, o cardápio do B.Lab deve fluir de acordo com os pensamentos e insights de um chef que não tem medo de colocar a mão na massa para criar experiências sensoriais e olfativas. “Agora posso preparar e criar qualquer tipo de prato sem me prender a nada. Sem limite de ser feliz”.

Um cardápio novo até que o Rafa decida o contrário

Com um ticket médio entre R$ 60 e R$ 70 por pessoa com comida e bebida, o cardápio do B.Lab nasce com a proposta de ser diferente e mutável, assim como o fluxo da vida e das histórias. Entretanto, uma coisa tende a ser sempre igual: opções para compartilhar não vão faltar.

Crédito – Divulgação.

Para Rafael, da vida a gente não leva nada e se compartilha tudo. “Entradas, sanduíches, pratos principais e até sobremesas. A brincadeira é ter uma experiência divertida com alguém que você gosta. Em todas essas seções eu vou criar sempre algo diferentes, então o cardápio será vivo e vai se adaptar a criatividade”.

Quentão, coxinha de costela, pipoca e pastrami abrilhantam o menu

Enquanto muitos chefs apostam em estrelas clássicas do universo gastronômico, a cozinha do B.Lab busca trazer ingredientes ousados em misturas que causam emoção e impacto.
Nas entradas as porções de destaque são o pastrami do Rafa com picles e maionese de maracujá (R$ 28), os palitos de tapioca com bacon desfiado e geléia picante de quentão (R$ 25) e as coxinhas de costela (RS 30) que são feitas sem massa e derretem na boca.

Entre os pratos principais que chamam atenção, o chef selecionou um clássico oriental composto por arroz frito com especiarias asiáticas e proteínas (R$ 32), e o polvo grelhado com legumes no azeite de manjericão (R$ 42).

Para adoçar o menu com originalidade, duas receitas prometem uma explosão de sabores: o milkshake de pipoca, feito com amarula e pipoca doce (R$ 18), e o brownie desconstruído com mousse de suflair, farofa de brownie de chocolate e bacon caramelizado (R$ 12).

Drinks

Se nem as entradas, pratos principais e sobremesas escaparam do laboratório do chef, quem dirá a carta de drinks. Para os amantes da coquetelaria, serão diversas opções diferentes para a degustação do público.

O drink B.Berry (R$ 18) é uma novidade ousada de Rafa. Composto por gin, geléia de amora picante e soda, o drink promete surpreender o paladar com o gosto doce e picante. Além disso, o B.Lab drink (R$ 20), feito com aperol, vodka, água com gás, canela defumada e romã, será servido em um tubo de ensaio remetendo a ideia de laboratório.

Por fim, o chá das 5 (R$ 17) leva em sua base o gin, água com gás, chá limão, framboesa e maracujá vermelho, e é servido em um conjunto de chá especialmente selecionado pelo chef.

SERVIÇO

Onde: Avenida Iguaçu, número 1599 – Água Verde.

Horário de funcionamento: quarta a sexta-feira das 18h às 23h. Aos sábados das 16h às 23h e aos domingos das 15h às 22h.