Destinos turísticos paranaenses dignos de Instagram

Segundo pesquisa conduzida pelo Schofields, mais de 40% das pessoas nascidas entre os anos de 1980 a 2000 priorizam o quão “digno de Instagram” é o destino que irão visitar. “O Instagram certamente está tendo um impacto nos destinos turísticos. Independente da motivação que leva as pessoas a visitarem determinado local, a rede social ampliou o acesso a fotos, resenhas e comentários sobre os mais variados locais do mundo, na palma das nossas mãos”, comenta Mikie Magnere, especialista em redes sociais.

Morretes. Crédito – Everson Mayer.

O Instagram criou uma estética fotográfica que supera fatores como custo do deslocamento, hospedagem, alimentação na escolha de destinos turísticos entre os millenials. Neste sentido, o Paraná é privilegiado. De leste a oeste, o estado possui destinos dignos de Instagram como:

Foz do Iguaçu
Localizada a 533km de distância de Curitiba, Foz do Iguaçu é a base para a visitação do lado brasileiro das Cataratas do Iguaçu. As opções de passeios que podem ser realizados a partir de Foz do Iguaçu são inúmeros. Os mais procurados são: Cataratas do Iguaçu, Marco das Três Fronteiras, Ponte da Amizade, Hidroelétrica de Itaipu, Parque das Aves. Além disso, a partir do município é possível realizar atividades na natureza, visitar museus e conhecer a cultura local, fazer compras no Paraguai e Argentina, aproveitar a gastronomia e vida noturna internacional, relaxar em spas e resorts e ter acesso a muitas outras atrações que fazem do município paranaense o segundo destino turístico mais visitado do Brasil.

Crédito – Matheus Camilo.

“O Instagram é uma poderosa ferramenta para a promoção de destinos turísticos. Para Foz do Iguaçu não seria diferente, pois a imagem é um dos principais insumos para a venda de destinos e por meio de belas fotos publicadas conseguimos engajar tanto o público que ainda deseja nos visitar, quanto o público que já visitou o destino e revive sua viagem acompanhando publicações”, especialista em marketing turístico do Visit Iguassu. Aliás, o Instagram @visitiguassu é uma ótima fonte de informações turísticas sobre Foz do Iguaçu.

Curitiba
A capital paranaense é uma das grandes surpresas turísticas do estado. Curitiba, ao longo dos anos vem recebendo cada vez mais turistas de lazer e negócios. Os locais mais visitados são, sem dúvida alguma, os parques e praças da cidade que é nacionalmente reconhecida por sua organização e limpeza.

Crédito – Cléber Yamaguchi.

Os principais pontos turísticos da capital paranaense são o Parque Barigui, Parque das Pedreiras, Ópera de Arame, Parque Tanguá, Parque Tingui, Centro Histórico, Bosque Alemão, Universidade Livre do Meio Ambiente e Torre Panorâmica. Além disso, a capital paranaense tem uma cena gastronômica importante, com destaque para o bairro de Santa Felicidade, e uma vida noturna agitada com bares e restaurantes para todas as tribos. Para saber mais sobre turismo em Curitiba, siga o perfil @curitibaturismo no Instagram.

Morretes e Antonina
As duas cidades históricas charmosas localizadas na serra do mar do Paraná são famosas pela hospitalidade, festas, eventos gastronômicos e culturais. Além disso, elas oferecem opções de hospedagem em meio a natureza e opções de turismo de aventura como descer o rio Nhundiaquara de bóia ou subir o Marumbi.

Antonina. Crédito – Zelig.

Outro passeio interessante que todo o turista precisa fazer é descer a serra do mar de trem para almoçar Barreado, prato típico do Paraná, na bucólica Morretes. Para ficar antenado em tudo que acontece em Morretes e Antonina, a especialista em redes sociais Mikie Magnere recomenda seguir os perfis @morretesturismo e @antoninapma.

Ilha do Mel
Considerada a joia do litoral paranaense, a Ilha do Mel é um destino peculiar e deslumbrante. Para chegar lá, o visitante precisa ir até Pontal do Paraná e pegar uma barca que sai de hora em hora rumo a um dos dois lados da ilha: Nova Brasília ou Encantadas. Nova Brasília, que fica no lado norte da ilha, é o destino preferidos pelos surfistas e outros apaixonados por esportes náuticos. Composta por trilhas de areia batida e vegetação fechada, pousadas de charme rústico, praias perfeitas e desertas.

Parque Estadual da Ilha do Mel. Crédito – Denise Tenheri.

Na Praia Grande e Praia do Farol e, esporadicamente, nas Paralelas é possível encontrar condições favoráveis ao surfe o ano inteiro. Os principais pontos turísticos desse lado da Ilha do Mel, além das praias, são o Farol das Conchas, o Morro do Sabão Miguel, o Istmo, a Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres e a Baía dos Golfinhos.

Encantadas, que fica no lado sul da ilha, tem um clima mais familiar, mas ainda assim é uma boa opção para descansar e aproveitar pousadas mais convencionais. É nesse lado da ilha que fica a famosa Gruta das Encantadas que é o patrimônio natural mais importante da Ilha do Mel.
Para viajar nas fotos da Ilha do Mel, a sugestão é seguir o perfil @ilhadomel.com.br no Instagram.

Guaraqueçaba
Por último, mas não menos importante, o roteiro turístico “instagramável” chega à Guaraqueçaba. Famosa pela dificuldade de acesso terrestre, a cidade localizada às margens da Baía de Paranaguá é um dos destinos preferidos de aventureiros off road. Caso esse não seja seu caso, é possível ir de barco comercial partindo de Paranaguá. A viagem dura cerca de 2h30 e é mais tranquila que por terra.
Os motivos para conhecer Guaraqueçaba não são poucos.

Localizada em Guaraqueçaba, Reserva Natural Salto Morato está dentro do maior remanescente contínuo de Mata Atlântica do Brasil. Crédito – Fundação Grupo Boticário.

A cidade fica dentro da maior reserva de mata atlântica do país, cercada por ilhas, praias desertas, animais em extinção, cachoeiras e muita história. Chegando lá é possível passear pelo centro histórico, aproveitar as delícias gastronômicas do litoral e fazer passeios para a Ilha de Superagui, Ilha de Guaraqueçaba e Salto Morato. Para conferir as belezas da região de Guaraqueçaba a dica da  é seguir o perfil @guaraquecabapr no Instagram.

Sobre Mikie Magnere

Crédito – Jonas Rebicki.

Mikie Magnere é mãe, empreendedora, especialista em redes sociais e mestre em educação. Atua com grandes e pequenas empresas e sua realização pessoal é ver que, com pequenos ajustes, os pequenos empreendedores podem fazer publicidade online e se destacar tanto quanto os grandes nas redes sociais.
https://mikiemagnere.com.br/
https://www.instagram.com/mikie_magnere/