Argentina Nina Molina traz a mostra “Salvemos ao subjuntivo”

O Centro Cultural da Espanha em Curitiba (Brasil) irá expor a partir de 18 de outubro de 2019 a mostra “Salvemos ao subjuntivo” de Nina Molina. Uma proposta conceitual que, através de um articuloso visual, planeja salvar o hipotético na linguagem, possíveis futuros, territórios ainda para conhecer e versões do desejo. A artista parece nos dizer que se descartarmos um modo de linguagem também desconheceremos o modo de ser dos homens no mundo.

Nina Molina. Crédito – Divulgação.

Acreditando que a linguagem determina e modifica o pensamento ou pelo contrário, que é a linguagem que define a qualidade e complexidade do pensamento, não há dúvida de que existe uma evidente e essencial interdependência. Quanto maior riqueza e amplitude de um, maiores as possibilidades do outro.

Qualquer um que leia os jornais na Argentina, escute o rádio ou veja televisão notará o desaparecimento de alguns casos do uso correto do subjuntivo. Manchetes nos principais jornais, editoriais de importantes repórteres, etc. Possivelmente este seja um fenômeno não somente argentino, mas em qualquer caso acredita ser benéfico trazê-lo à atenção do público.

Embora a artista não acredite que sua contribuição possa modificar substancialmente a situação, gostaria de tentar nessa mostra. Fazer que o grande público fosse consciente dessa perda, algo que não acontece agora, mas já representaria uma contribuição importante.

Em um mundo cada vez mais complicado a necessidade de um pensamento consistente que efetivamente ajude a resolver problemas difíceis, é essencial e acredita firmemente que a contribuição da linguagem para esta tarefa é inevitável.

Nina Molina é argentina de Buenos Aires e vive atualmente em Córdoba. Estudou Filosofia na Unidade da Califórnia em Berkeley, Fotografia em Santa Monica Community College de Los Angeles, Califórnia e Pintura na Escola de Artes da Universidade de Córdoba. Participou de mais de 60 galerias e mostras coletivas em diferentes partes do mundo. Possui o Prêmio ao Mérito Artístico que outorga na Secretaria da Cultural da Província de Córdoba.

Coquetel de abertura: 18 de outubro – 20h
Bate-papos com a artista:
19/10 às 9h, 10h30 e 11h
21/10 e 22/10 às 20h
Entrada gratuita, mediante reserva antecipada.

Endereço: Rua Doutor Faivre, 93 – Centro
(041) 3363-7747 – (041) 9 8504-1195